segunda-feira, março 21

Bolo de Azeite e vamos lá começar a compor a mesa para a Páscoa!!

E num piscar de olhos já estamos a meio de Março, mês da Primavera que nos brinda não com temperaturas amenas e um sol contagiante como seria de esperar mas com pingos de chuva e ainda algum frio.
Para mim este mês é particularmente um mês de festejos, ora é o Dia do Pai ora é o aniversário dos meus pais. Este ano e como modo de despedida de Março, contamos com a celebração da Páscoa.
Quando penso nesta época festiva sou transportada para as memórias e momentos de infância, que tanto gozo me dá recordar. As férias da Páscoa vividas em casa dos meus avós maternos, eram duas semanas de brincadeira na companhia de uma amiga que era vizinha dos meus avós. Eram dias vividos na simplicidade da vida campestre, onde reiterava o silêncio e a calma.
A azafama começava um par de dias antes do domingo de Páscoa. A limpeza geral da casa para receber o Sr.º Padre, assim como todos os preparativos para o almoço de domingo de Páscoa em que a família se reunia, já para não esquecer da confecção dos tradicionais folares. Por cá são os folares doces os mais apreciados, uns para oferecer outros para estarem presentes à mesa. Assim coziam-se os ovos que viriam a dar um ar da sua graça ao bolo cuja massa era amassada num alguidar de barro em cima de um banco de madeira. No forno a lenha já crepitava, aquecendo o mesmo para depois receber os folares que já tinham a sua forma circular que abraçava o ovo cozido. Após serem pincelados com ovo, o seu destino era o forno já bem quente para assim ganharem vida e tomarem a sua cor dourada.

Os anos passaram mas felizmente as tradições pro aqui mantém-se. E ainda bem!! Os almoços de domingo onde a família se reúne em redor de uma mesa é um acontecimento que se mantém vivo, assim como a preparação no dia anterior dos folares. De forma circular e com o respectivo ovo cozido, aromatizado com limão são assim os folares que me recordam os meus tempos de criança.


Mas as tradições são diferentes de zona para zona do nosso país. E lá bem nas beiras é a Bola de Azeite que está presente na mesa e que faz as delicias. Uma massa salgada, que comporta o aroma da aguardente e a subtileza do azeite. Ideal para acompanhar umas azeitonas marinadas, uns deliciosos enchidos ou um amanteigada queijo da serra. Uma versão diferente da que estou habituada e que este ano fará companhia ao tradicional folar doce na minha mesa de almoço do domingo de Páscoa. Diferentes tradições reunidas numa só mesa.






Bola de Azeite 
(inspirado da Revista Bimby Abril 2015)
Ingredientes:
550 gr farinha tipo 65
25 gr fermento padeiro
100 ml àgua
50 ml águardente
120 ml azeite
4 ovos
1 colher de chá de sal


Preparação:

Comece por aquecer o azeite, a aguardente, a água e o fermento.
Numa taça coloque a farinha e o sal. Adicione o preparado do azeite e amasse. Vá juntando os ovos uma a um, amassando a cada adição. Leve a levedar cerca de 1h e 30m ou até duplicar de tamanho.
Com as mãos untadas com azeite, molde uma bola e disponha num tabuleiro e leve a levedar por mais 30 minutos. 
Pré aqueça o forno a 200ºC e leve a bola a cozer cerca de 40 minutos, até fica dourada.Pode-se servir morna ou fria.



Deliciem-se!!

6 comentários:

  1. O tempo passa num instante! Nunca comi bolo de azeite, tenho de levar a receita para experimentar! Beijinhos

    ResponderEliminar
  2. Ótimo aspecto, fiquei tentada a provar!
    Um abraço e boa semana.

    ResponderEliminar
  3. Uma tradição diferente. Gostava de experimentar essa bola!
    Bjs

    ResponderEliminar
  4. Ficou maravilhoso. Bem bom :)
    Beijinhos

    http://bimbysaboresdavida.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  5. Que aspecto querida Ana!!!
    Acreditas que fiquei a salivar? Pois fiquei!!
    O mês de Março é o meu mês e, por essa razão, muito especial para mim e é um mês que adoro.
    Quanto ás recordações de infância em casa dos teus avós, partilho-as, pois acreditas que Páscoa, na minha memória, era no Norte, em casa dos meus avós e com todos os rituais fabulosa que essa época implicavam.
    Um beijinho,
    Lia

    ResponderEliminar