quinta-feira, outubro 13

Quinotto de Abóbora assada, Tomate e Agrião e um Outono acabado de chegar!!



As temperaturas baixaram, as noites estão mais frescas, os dias começam mais cinzentos e por vezes alguns pingos de chuva trazem-me à realidade. A um Outubro que vai a meio, a uma estação que já começou e que entra em constante choque com a minha vontade de regressar aos dias de um Verão quente. Dias que se confundiam com as noites, passeios à beira mar, esplanadas ao sol repletas de movimento.
Deparo-me com um Outono que já se estreou a toda a velocidade. Não que não aprecie esta estação, pelo contrário, mas também é a estação que antecede o Inverno, essa sim que eu nada gosto.
As folhas das arvores cobrem os caminhos e as estradas, as árvores ficam despidas e fica aquele som caracteristicos de quando andamos sobre as folhas castanhas.
As temperaturas baixam e levam a que os armários se encham de camisolas e casacos quentes. As luvas e os cachecois começam também a desfilar.



É tempo de passeios de fim de semana a ver o mar bravo, ondas que batem sobre as rochas com toda a força e eu quentinha, no conforto de um sobretudo de lã que me aquece o corpo.
O São Martinho virá a caminho e com ele o tão aguardado verão de São Martinho, cujo seu sol contagiante me convidada a passeatas.
Numa praça qualquer ou no virar de uma esquina, apregoa-se pela castanha assada, pregão que me leva até lá tal como o seu aroma característico. Enquanto saboreio meia dúzia de castanhas assadas num cartucho feito por papel de jornal, contemplo as bancas dos mercados de rua. Mudaram as cores, os aromas, os cheiros e as texturas. Impera o laranja das abóboras e dos dióspiros, o castanho das castanhas, o vermelho das romãs... Aprecio o cabaz de marmelos ideaas para umas caixas de marmelada. Os frutos secos piscam-me o olho, trago um saquinho de nozes e pinhões. A batata doce nas suas mais diversas variedades também me seduz. Já imagino uma reconfortante sopa de batata doce ou mesmo batata doce assada no forno. Do mercado trago também comigo algumas pêras e maças ideias para um crumble, uma tarte ou um bolo caseiro, daqueles que pedem uma chávena de chá fumegante.



Esta é a estação que pede comida de conforto, daquela que aconchega a alma e o estômago, refeições cheias de cor, sabor e aromas bem outonais.
E para começar nada como dar as boas vindas às abóboras e fazer um Quinotto de Abóbora assada com Tomate e Agrião. A opção pela quinoa ao invés do arroz, faz com que façamos um quinotto em substituição do risotto. Igualmente com uma textura única, casa na perfeição com a abóbora que assei previamente no forno, conferindo-lhe assim uma textura mais suave repleta de sabor. Escolhi para este prato a abóbora hokaido mas pode ser igualmente substituída por abóbora butternut. O tomate confere a esta receita a frescura desejada e o agrião transmite ainda mais cor.
Este Quinotto de Abóbora assada, tomate e Agrião assim como outras sugestões deliciosas estarão presentes na mesa deste mês da querida Marta do blogue Intrusa na Cozinha, com a abóbora a reinar.





Quinotto de Abóbora Assada, Tomate e Agrião

(receita adaptada daqui)

Ingredientes:

1/2 Abóbora
Hokaido
3 colheres sopa de azeite
1 cebola pequena picada
2 dentes de alho
200 gr quinoa
750 ml de caldo de legumes
2 tomates médios não muito maduros
Sumo meio limão
1 colher de sopa de vinagre de cidra
150 gr de agrião
Sal e pimenta q.b.


Preparação:

Comece por cortar a abóbora em cubos mais pequenos e leve ao forno cerca de 30 minutos em forno a 180ºC.
Entretanto leve ao lume o azeite, a cebola e os alhos picados. Deixe refogar um pouco e acrescente a quinoa. Deixe cozinhar uns 5 minutos. Vá acrescentando o caldo de legumes pouco a pouco até a quinoa estar cozida. Tempere com sal e pimenta.
Posteriormente acrescente o sumo de limão, o vinagre, o tomate cortado em cubos, a abóbora e o agrião. Deixe cozinhar mais 5 minutos e sirva.



Deliciem-se!!

3 comentários:

  1. Gosto do Outono e da Primavera. Nada de extremos, que eu não sou nada extremista :-)
    Mas gosto daqueles dias ainda amenos, sem chuva e com o sol dourado.
    A tua saladinha parece-me bem reconfortante para estes dias dourados, minha linda.

    Um beijinho grande, cheio de saudades
    Cuca

    ResponderEliminar
  2. Olá Ana,
    A minha estação é sem sombra de dúvida o outono. Gosto de praticamente tudo nesta estação. Os dias mais amenos, os seus tons dourados, os frutos, os vegetais, as primeiras chuvas... e depois a primavera principalmente pela explosão de vida! ... e pelos dias amenos também. O verão será talvez a estação que menos aprecio... feitios :) embora goste (muito) de praia e dos dias longos cheios de luz, o calor exaspera-me, e faz com que tudo o resto da estação não contribua para a minha opinião sobre ela..
    A tua receita vêm cheia de tons e sabores do outono, e se fosse só por isso já seria um sucesso :) mas além disso traz a certeza de uma refeição que conforta e que nos deixa completamente satisfeitos.
    Obrigado minha querida por mais uma vez marcares presença na rubrica :)
    Beijinho enorme

    ResponderEliminar
  3. Que delícia. Uma salada diferente e apetitosa.
    Gostei. Beijinho.

    Bimby & sabores da vida

    ResponderEliminar